Siririca Frenetica No Banco Do Carro

77 seg

Categoria:

Tag: , , ,

visualizações

77 seg

Categoria:

Tag: , , ,

Siririca Frenetica No Banco Do Carro

Siririca Frenetica No Banco Do Carro

ja no onibus o cobrador nao tirava o olho do meu peito que estava com bico duro eu adorando aquilo estava toda molhada ai sentei no banco do lado de um garoto que devi ter uns 18 anos,gente o menino ficou doido meu marido estava no banco do lado via tudo eu como sou uma kenga quando to com tesao ja facilitava para o garoto ver meus seios lindos sei que ele viu e ficou doido kkkk pensei vai bater uma punhetinha para mim entao fomos a varios lugares eu com seios soltos me exibindo em toda cidade de juiz de fora mg. Estava bem próximo ao gol e quando a bola caiu nos meus pés, eu não pensei duas vezes.

– Agora eu quero gozar, tá?Fiz que sim com a cabeça e vi ela sentando em meu pau e pulando como sempre pulava, freneticamente. Aos poucos a dor foi transformando-se em um agradável calorzinho, na medida em que fui relaxando ficou gostoso e eu comecei a sentir sensações novas, era a mesma sensação dez vezes maior que minhas solitárias siriricas, assim sem controle dei um longo gemido e papai voltou a carga.

Eu deixei fluir, até que chegou meu ponto, assim que descemos ele me pegou pela mão e me puxou até um bar, estava fechado e o toldo estava aberto, ele me grudou na parede abaixo do toldo e me agarrou, me beijava como se nunca tivesse feito aquilo antes, eu deixava ele me dominar porque sou submissa, e estava gostando daquilo, a adrenalina de passar algum carro ou mesmo pessoas, apesar de ser tarde e de o toldo proporcionar um escurinho….

Ficou massageando alguns minutos, tomando coragem, tentando se convencer que era de verdade, notou o lubrificante sendo expelido e aquilo foi a “gota” que faltava.

Sua pica era grossa com a cabeça bem dura e roxa, sem odores, comecei a chupar com vontade e ele curtia cada segundo, movimentando a pica destro da minha boca e enfiava na minha gargantaolhando para fora pra ver se não vinha ninguém.