Mulher Do Corno Se Exibindo Sem Calcinha Para O Eletricista

3 min

Categoria:

Tag:

visualizações

3 min

Categoria:

Tag:

Mulher Do Corno Se Exibindo Sem Calcinha Para O Eletricista

Mulher Do Corno Se Exibindo Sem Calcinha Para O Eletricista

Bom dia! Hoje estou retornando de férias do trabalho principal, pois acredito que trabalhei mais que tudo, estas férias fui passar na Região dos lagos, local mais que maravilhoso do Rio, praias maravilhosas e um clima sem igual, mas acabei arrumando um trabalho fora do ramo, um amigo perguntou se eu o ajudaria a passar os fios e organizar a caixa de disjuntores pois a casa estava nova e o eletricista cobrou uma fortuna, depois do trabalho todo eu falei que era um dinheiro bem pago, rsrsrsRolava black music e eletrônico.

Logo que cheguei comecei a frequentar a escola e no comeco tive alguns problemas de fazer amigos, mas passado algum tempo eu comecei a me dar com uma garota chamada Anne Fang! Ela era chinesa, gordinha, tinha os seios pequenos, a bunda grande, grandes labios e era um pouco dentuca! Como podemos perceber nao era uma pessoas bonita… ela era bem feia, mas era uma otima compahia e aparentemente uma boa amiga! Adorava estar com ela!!! Ela tinha alguns problemas relacionados a sua cultura, ja que a cultura oriental e muito fechada e muito rigida, ela sofria muito e nao era feliz! Fiquei com pena e comecei a tentar ajuda-la… e fui conseguindo… cada dia que passava ela era mais feliz! Eu percebia o quanto que ela gostava de estar ao meu lado, o quanto se preocupava comigo, que me olhava diferente! O tempo foi passando e chegou o momento que eu me dei conta que ela estava completamente apaixonada por mim!!! Isso deve ter dado um no na cabecinha dela pois ela comecou a provocar uma serie de brigas, ate que chegou o momento do afastamento completo, ela estava tao confusa que estava preferindo nao mais falar comigo! Eu nao me surpreendi com essa atitude… eu sabia que ela ja tinha muitas dificuldades com os seus sentimentos, em relacao a amizade, carinho, amor… como poderia aceitar que estava completamente apaixonada… e ainda mais por uma mulher!!! Isso ja soava tao normal para mim, afinal ja fazia algum tempo que eu so me apaixonava por mulheres, so beijava mulheres, so transava com mulheres! Entrei em um conflito, mas percebi que ela era minha amiga e que agora estava precisando de mim mais do que nunca, se havia sido eu que a tinha feito descobrir a felicidade, agora eu era o principal motivo de sua tristeza e podia faze-la feliz como nunca!!! Decidi ajuda-la!!! Estavamos numa semana de ferias e uma dia fui na sua casa de surpresa! Quando ela abriu a porta tomou um susto e ficou completamente em estado de choque… alguns segundos depois ela fechou a cara e disse: “o que vc esta fazendo aqui? Ja felei que nao quero mais falar com vc!!!” Olhei bem no fundo dos olhos dela, sorri e falei: “Anne, calma, eu so vim aqui para conversar com vc! Me da so uma chance!!!” Percebi que ela nao estava disposta a ceder, mas fraquejou diante do meu pedido e me convidou a entrar. Eu morena 32 anos 1:78 mt cabelos longos ondulados coxas grossas e uma bela bunda seios médios dona de casa e liberada pelo meu corno esse que tem 1:85 branco 39 anos porte médio gostoso e tem um pau de 17cm que prá mim está ótimo e casados a 9 anos e temos uma filha.

E falei – abre essa bunda denovo putinha linda-come minha bunda — mais rapidoooOla amigos, essa é minha primeira postagem no site, tenho varias historias reais que aconteceram comigo durante o tempo em que fui taxista, hoje sou professor de música e não tenho a mesma disponibilidade de tempo que tinha antes, bom quero começar esse conto sobre uma morena casada de 44 anos que conheci pelo Facebook, ela mora numa cidade do interior do estado onde moro, na verdade foi uma dupla traição, ela sendo casada, traiu o marido, e eu, traindo a irmã dela, com quem tenho um relacionamento secreto, pois também é casada, vou chama-la de VAL, pois bem, eu e Val nos conhecemos pelo Facebook, trocamos algumas conversas e logo já eramos íntimos, sempre conversávamos sobre o relacionamento dela, que ia mal, o marido não a satisfazia na cama, em 20 anos de casada, Val poucas vezes chegou ao orgasmo, Val é uma morena de estatura mediana, cabelos negros lisos na altura do bumbum, coxas grossas e torneadas, bumbum tipo XGG, enorme e empinado, uma mulher muito atraente, mesmo com 44 anos de idade, um certo dia ela me disse que estava na capital para resolver uns assuntos particulares, então eu disse que queria ve-la, pois como eramos amigos precisávamos nos conhecer pessoalmente, ela pediu para que eu fosse buscar ela no centro para leva-la em casa, ja que eu era taxista e estava chovendo, prontamente fui buscar ela, e fiquei louco quando a vi, realmente encantadora e muuuuuuuito sexy, estava com um vestido de alça que ia ate os joelhos, percebia-se que estava usando uma calcinha fio dental, pois o vestido marcava bem seu bumbum, quando entrou no carro me deu um abraço e disse que queria ir pra casa, perguntei onde era e ela me passou o endereço, saimos conversando ate que pegamos um pequeno trecho da BR, pois o trajeto exigia, perguntei sobre o casamento, ela disse que estava mal, pois fazia mais de um mes que não tinha relaçoes com o marido, indiscretamente perguntei se estava “a perigo”, ela envergonhadamente respondeu que sim, num ato de impulso coloquei as mãos em suas coxas e comecei a acariciar, senti sua pele arrepiar, perguntei se ela estava com pressa de chegar em casa, ela respondeu que não, então ey entrei no primeiro motel que vi na frente, mal entramos no quarto ela ja estava só de calcinha, fiquei contemplando aquele monumento na minha frente, a coloquei deitada na cama e comecei uma sessão de sexo oral bem demorada, dando uma atenção especial para seu clítoris, ela suspirava e gemia alto, puxava meus cabelos com força pedia mais, ate que gozou, cravou suas unhas nas minhas costas, mas eu não parei, bebi ate a ultima gota do melzinho que escorria de suas pernas, então eu deitei na cama e ela veio por cima, sentou no meu pau, que ja parecia uma barra de ferro, e vi aquela morena deliciosa cavalgar em cima de mim, ela gemia alto, gritava, então ela saiu de cima de mim e ficou de 4, pediu para eu meter com toda a força, atendi prontamente, logo ja estava segurando seus cabelos e socando como ela adorava, senti que ia gozar e ela pediu pra beber meu leitinho, soltei jatos de porra em sua boca, ela dizia que eu tinha feito como nunca ela tinha sentido, depois de uma ducha, ainda ganhei um oral maravilhoso dela, ainda mantemos contato mas nunca mais tivemos a oportunidade de repetir nossa brincadeira, espero que tenham gostado do relato, se tiver alguns comentários relatarei outros contos, garanto que são 100% verdadeiros, gostaria de trocar emails e mensagens de whatts com pessoas de todo o Brasil, fico no aguardo de todos meu whattsapp é 6993189596.

– Uau… muito bom! Entendo porque você chegou tão cansada!"Quando eu disse isso, ele ficou chocado e depois começou a falar que éramos irmãos, eu nem liguei, sentei em cima dele, e ele paralisou de novo, não conseguiu dizer um única palavra, e nem se moveu, eu tirei minha camisa e ele olhou para os meus seios e vi até baba caindo da boca dele, mas tava tentando desviar o olhar, mas por mais que ele tentasse, mais hipnotizado ele ficava, eu senti na minha bunda que o pau dele tava duro como diamante, peguei meus seios e levei-os até o rosto dele, nesse momento eu senti o pau dele pulsando, nisso eu estava toda molhada, logo eu senti um líquido no pau dele e percebi que ele tinha gozado, e bastante, ele me tirou de cima dele, e me disse pra não fazer mais nada e tentou sair do quarto, mas não deixei, fechei a porta e tranquei, agora ele tava preso, ele até tentou pegar a chave, mas eu tirei meu shorts e percebi o pau dele duro de novo, ele ficou paralisado e daí eu beijei ele gostoso, num abraço delirante, mas Pedro voltou a si e tentou pegar a chave, mas eu peguei e enfiei ela dentro da minha xota, ele quase desmaiou de tesão quando eu fiz isso, mas depois eu joguei a chave, pra lá e derrubei ele na cama, fiquei em cima dele, e coloque a minha xota na boca dele, e comecei a esfregar, ele até tentava escapar, mas aos poucos ele foi se acalmando, e começou a me chupar, chupava sem jeito, enfiava os dedos, mas aquilo me deixava louca, até que eu gozei em um orgasmo incrível, levantei de cima dele, e Pedro tentou escapar ainda, mas não deixei, segurei ele por trás, apertei o pau dele ameaçadoramente, e desci para as bolas, mas ainda com cueca e tudo, depois de uns minutos, tirei o shorts e a cueca dele, fiquei ajoelhada na frente dele, fiz uma cara de safada e inocente ao mesmo tempo, e lambi o pau dele com gosto, comecei chupando as bolas, ai delicia, e depois subi para o pau, a chupei só a cabecinha por uns minutos, depois comecei com movimentos leves e fui acelerando, eu já praticava com bananas, ele tava hipnotizado, o pau dele pulsando na minha boca me deixava molhadinha, ele gozou na minha boca, bem lá dentro, mas um pouco caiu pra fora em meus seios, mas apesar de duas ele ainda tava duro como aço, inacreditável, eu não perdi tempo, sentei no pau dele e comecei a quicar, me precipitei, pois doeu um pouquinho, mas depois eu tava com tanto tesão, que comecei a quicar loucamente em cima dele, dessa vez o Pedro mostrou reação, apertava meus peitos, e eu tive um orgasmo duplo, fiquei uns 2, 3 minutos gritando de prazer, foi sensacional, meu maninho gostoso também estava quase lá, eu fiquei de quatro na cama e mandei ele meter fundo, ele sem reclamar fez, ele me comeu desse jeito uns 10 minutos e avisou que ia gozar, bem na hora ele tirou e começou punhetar, e eu dei uma de safada, comecei a gritar para ele gozar com uma voz bem safada e gemendo bastante, e fiquei balançando minha bunda, e exibindo ela, abri ela e exibindo o meu cuzinho lindo, ele não aguentou, jorrou na minha bunda, melando de porra o meu cuzinho e xotinha, eu passei a mão pegando toda a porra que tinha e coloquei na boca, depois ainda dei umas chupadas no Pedro, mas agora ele nem erguia, tava exausto, ele pegou a chave e saiu do meu quarto, sem dizer nada, eu fiquei ali, me masturbei mais um pouco e só depois de gozado fui tomar um banho.