Loira Com Rabo Enorme Sentando Na Pica Enorme

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , ,

Loira Com Rabo Enorme Sentando Na Pica Enorme

Loira Com Rabo Enorme Sentando Na Pica Enorme

"Depois de muitos beijos e chupadas, pedi que de deitasse de bruços. Loira, cabelos na altura dos ombros, cerca de 1,68m por onde se distribuíam seus 58 kilos, formando um atraente conjunto.

Bom ai começa a historia, Sofia queria tirar a carteira de motorista, marcou a auto escola, iria fazer 20 aulas praticas, o instrutor seu Manuel, um cinquentão muito bom motorista era o instrutor. Ele escolheu o local mais alto para construir a casa dele, uma puta casa, o ateliê dele é maravilhoso, enorme, maior do que o da faculdade! Mas fiquei encantada foi com a natureza preservada, os gramados, as flores, as árvores… gente, ele cuida de tudo sozinho! É de babar! Falei com ele que tinha vontade de te levar lá, ele disse que tudo bem, se você quiser ir, vamos marcar com ele. Ela meteu sua língua na boca dele e foi sentando e rebolando.

Sei q é perigoso mas para quem quiser conversar o wats é: 9264-1239meu nome é marluce, tenho 44 anos. Retornamos ao quarto, onde minha tia e prima demonstrando estarem bem mais à vontade e nem um pouco satisfeitas, continuaram a chupação mútua de bucetas.

Eu ia com a minha calça jeans clara que era engolida pelo meu rabo e sempre fazia questão de passar de costas pra ele.

A tia teria jantar pronto e mais tarde a noite minha mae iria me buscar la.

E não sei a razão, mas eu estava em pé aqui, e você chegou por trás de mim e segurou meus peitinhos, encostando a dureza na minha bundinha…Fui fazendo tudo o que ela contava.

Escutando o tagarela o tempo passou rápido, assim às dezessete horas da tarde estávamos a entrada da Cidade cuja placa enorme trazia a frase “Seja bem-vindo a Mariana” em letras garrafas. Não demorou, vi ele se contorcer e senti seu gozo farto encher minha boca.

Elas ficaram vidradas no meu cacete com uma cara de espanto. Vai entrar gostoso dentro de mim, vai rebolar e penetrar tudo, só pra mim.

Devagar, Luiz Paulo ajoelhou-se e debruçou no meu colo, ficando com a bunda pra cima.