Gostosa No Banheiro Matando A Vontade Com Brinquedo

visualizações

2 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , ,

Gostosa No Banheiro Matando A Vontade Com Brinquedo

Gostosa No Banheiro Matando A Vontade Com Brinquedo

"Ele foi até o banheiro, arrumou-se e disse que iria ir lavando a louça, enquanto eu podia ir tomar um banho, pois estava completamente suada, com o cuzinho abertoe ardido, mas muito feliz, pronta para a próxima.

calma, meu doce primeiro eu quero lamber-te essa coninha gostosa. com"– Boa Noite Marina! – Me rodopiou, me deu um abraço, cheirou meu cabelo – Nossa,está maravilhosa!Se você soubesse o quanto eu estava ansioso pela tua chegada!Estava desistindo de te ver por aqui!Venha que eu quero avisar a Clara que você veio!Bebe alguma coisa?As línguas de Gabriel e Isabela não paravam, o primeiro lambia o fim da buceta de Angela, quase no espaço que há entre a vagina e o ânus, a menina lambia o clitóris, matando a saudade que tinha dos seus encontros lésbicos com a mãe e a irmã. Depois de mais uma gozada nas costas dela eu pedi para ela tomar banho e a levei para o shopping, lá eu via o quanto ela ainda era inocente, ela adorava ver certos brinquedos, escolia roupas mais infantis e foi então que eu tive uma ideia, fui a loja de meia calça com ela e então escolhi uma meia calça preta e uma calcinha de renda preta no tamanho dela, só de segurar a embalagem eu já fiquei de pau duro, no caminho para casa, enquanto eu dirigia ela percebeu que meu pau estava duro e começou a rir, sem eu nem pedir ela abriu meu zipper e colocou meu pau pra fora, abaixou e chupou com uma maestria perfeita, a boca quente dela engolia a cabeça toda e subia, engolia e subia, não chegava nem a metade, mas era uma delicia… Chegamos em casa e eu já tranquei a porta e mandei ela ir para o banheiro se trocar, juro que demorou cerca de 3 minutos e parecia 3 horas, só de estar escrevendo isso já fico de pau duro.

Eu fui para baixo da Nicoli e coloquei meu pau na buceta dela, enquanto a Yasmin colocava o vibrador no cuzinho da Nicoli, ficamos aí por um bom tempo, até que começamos a sentir vontade de gozar.