Flagra tarado filma esposa novinha comendo esposa vagabunda com o corno rio de janeiro – rj

28 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

28 seg

Categoria:

Tag:

Flagra tarado filma esposa novinha comendo esposa vagabunda com o corno rio de janeiro – rj

Flagra tarado filma esposa novinha comendo esposa vagabunda com o corno rio de janeiro – rj

Ola! Me chamo Claudia (ficticio), tudo começou no fim de janeiro quando nos mudamos para o apto novo que compramos pelo financiamento da caixa. – Sua vagabunda, garota mal comportada – e batia mais – Aaaah eu vou gozar. Agora tenho dois machos me comendo.

Nos apressamos para não sermos flagrados no ato, ela se virando de costas para mim, sentando no meu colo, com meu pau novamente encaixado dentro dela.

Incentivado por uma reportagem que lemos sobre os estágios do corno.

"Beto ficou por baixo, Mauro por cima e a Josi na filmagem, pois é… agora tenho uma dp inteirinha filmada do começo ao fim, mas na hora nem percebi rs, senti os dois paus dentro de mim e já estava morrendo de tesão do sexo anal combinado com chupada, tentei me segurar mas com o Mauro comendo meu cuzinho e gemendo, puxando meu cabelo, e o Beto me beijando, me lambendo, e os dois paus dentro de mim, logo perdi toda a razão e gozei horrores.

Nem tomamos o café direito, saímos com pressa e para meu espanto minha esposa pergunta:-Mari…o que você tem? Está andando meio esquisito, está machucada?Pela resposta da Mari percebi que minha filha sabe mentir bem…-Como assim…andando esquisito! Você inventa cada coisa mãe…vamos logo papai, não quero me atrasar, hoje a aula é importante sabe?Dirijo rápido para o motel, clientes matutinos dos moteis são os mais depravados, é só safadeza das mais impróprias. rnMeu maridinho corno…nunca soube de nada…continua trabalhando e ganhando muito dinheiro…mas cada vez tem menos tempo para a esposa que cada vez mais se aprimora na arte de ser uma vadia insaciável ao lado de meu sogro que continua um tarado incorrigível e também extremamente generoso com sua nora escrava sexual. comNa manhã seguinte, indo pro trabalho vejo a loira voltando da padaria e começamos a combinar o fim de semana quando a novinha aparece e me dá um tapa na cara, dizendo que se eu encochar ela de novo no elevador, vai reclamar com o pai.

Tinha outros clientes na loja mas assim que saíram , ela ficou sozinha e chamou o vendedor pra perguntar sobre algum produto da prateleira , ele se aproximou e mesmo do carro , do outro lado da rua eu pude ver que ele não tirava o olho do decote dela , mesmo porquê o decote da loira chamava a atenção de qualquer um que gosta de mulher , rsrsrsrsrs , ele olhava muito também para as pernas que apareciam muito por causa do vestidinho , ela se abaixava pra pegar algo e dava pra ver um pouquinho da polpinha , aí ele despistava e olhava diretamente pra bunda dela , o que já me deixava de pau duro no carro , ficaram assim um tempo , ela andando pra um lado e pro outro olhando produtos e ele a seguindo com os olhos , então ela foi pros fundos da loja para ver louças e talheres eu acho , ele ficou observando de onde estava , a safada fez questão de pegar um íten na prateleira mais baixa quando apareceu sua bunda que escondia uma calcinha fio dental vermelha muito pequena mesmo , deu pra ver até o delicioso pacotão da xoxota dela por trás , reparei que o cara até apertou o pau por fora da bermuda fina e larga , aparentando estar até sem cueca, me deu um tesão danado , até por que ela não era de ousar muito assim apesar de eu sempre pedir pra ela se exibir um pouquinho por aí , ela se levantou e chamou pelo rapaz novamente , ele prontamente foi até ela , pareceu que ele olhou o preço e conversaram um pouco mais , o que a safada não me contou depois , kkkkkkk , só pra me provocar , aí ela escolheu algo ali pra comprar , pra justificar sua permanência na loja mais um pouco , deu a volta nas prateleiras e quando foi passar de volta pra prateleira dos talheres passou bem perto dele , roçando de leve o bumbum no rapaz , aí sim , deu pra ver que ele estava de pau duro com a freguesa que acabara de conhecer , sua bermuda estava evidentemente armada , kkkkkkkkk , volta e meia ele apertava a cabeça do pau e com os olhos vidrados na minha esposa gostosa e safada ; ela foi até o balcão , deixou os produtos e voltou dando mais uma volta em toda a loja , entre as prateleiras , sempre que dava , pegava algo embaixo pro seu vestidinho , já acostumado , se levantar um pouco mais e mostrar o que o rapaz estava louco pra apertar , morder , lamber , sei lá.