Esposinha de corno escorregando na vara do seu macho fixo enquanto corno filma

14 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

visualizações

14 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

Esposinha de corno escorregando na vara do seu macho fixo enquanto corno filma

Esposinha de corno escorregando na vara do seu macho fixo enquanto corno filma

ele metia,tirava e metia tudo…quando eu estava começando a achar gostoso ele passou o gel no rabo do Gerson e enfiou ele chamou ele de filho da puta e ficou pedindo pra ele meter…enquanto metia no Gerson, ele com um dedo preparava o rabo do Anderson,tirou do Gerson e meteu no Anderson e ele gemia feito um puto no cio e pedia pra ser fodido…e vi que o cara sabia foder cu de macho no cio;Jobson olhou pra ele e pediu pra ele meter,ele tirou do cú do Anderson e enfiou no Jobson sem dó e Jobson começou a se masturbar e disse que ia gozar e ele ordenou que não e e mandou Moacir abrir a bunda que ele ia meter,passou gel e enfiou devagar porque sentiu resistência e que o rabo dele era fechado,mas forçou e entrou fazendo ele dar um berro e foi pior porue o coroa enfiou de vez e bombou…Era a vez do meu sogro,um coroa virgem e ficamos ao lado dele pra ajudar…coloquei muito gel e peguei na rola do Seu Geraldo e guiei até a entrada do cú do meu sogro;ele forçou e meu sogro fechou o cú e Seu Geraldo deu uma tapa na bunda dele mandando ele relaxar…Anderson se aproximou da boca do meu sogro e deu um beijo de língua,enquanto isso o cara tentava enfiar e ia pouco a pouco deflorando o rabo de macho do meu sogro…quando ele viu que o saco batia no saco dele começou a bombar e meu sogro relaxou e gemia e chamava ele de velho puto safado,que tava comendo o cú dele de macho…todos beijavam meu sogro;fui perto dele e falei que ele era um macho de verdade e dei-lhe um beijo gostoso de língua…Depois,que Seu Geraldo viu que tinha fodido todos,pediu que voltássemos a ficar de 4 de novo…ele enfiou no cú… de um por um;bombava,bombava e passava pro próximo…depois pediu que todos deitássemos no chão que ele ia gozar nos nossos rostos…Ficou em pé e se masturbando gozou em nossas caras,ficamos com a porra dele em nossos rostos e corpos e começamos a nos lamber e a nos beijar…foi quando ele falou,já todo vestido,que as cópias estavam em baixo do colchão(2 dvs e o celular do Anderson) e que ia no banco ver se a transferência tinha sido feita…Ele saiu,bateu a porta… e o Jobson perguntou a meu sogro: E aí,Milton,gostou de dar seu cú de macho? E meu sogro respondeu: Devia ter feito antes e por falar nisso: Moacir,venha aqui e enfia esse caralho na minha bunda e Moacir o obedeceu,enquanto nós,os outros fomos assistir da piscina o show de foda dos dois machos…não aguentamos e mandamos ver numa punheta coletiva…Ainda temos mais dias pela frente…vamos pensar no que fazer. Marlene, bem ao nosso lado, ao lado da cama, ao filmar o boquete de Sandra mais de perto, ficou com sua bunda virada para mim. Entrou no primeiro da lista e viu lá os contos de traição/corno. eu estava quase gozando dentro do carro , às vezes vendo o que acontecia e às vezes só imaginando, quando ela se escondia por trás das prateleiras da loja ,e ele quase sempre andando atrás dela como um cachorrinho , ele mais uma vez falou algo pra ela , chegando bem próximo do ouvido dela , ela então fez sinal que sim e foram pro outro lado da loja no setor de cosméticos , ele foi pra dentro de outro balcão ficaram conversando um pouco , às vezes ela ria e ele falando sei lá o quê pra minha safada , devia estar falando algo que ela gostava muito pois foram mais de 20 minutos assim , e eu com o pau pra fora da calça pensando bobagem e muita safadeza , quando ele foi atrás de uma grande prateleira cheia de coisas e ela foi também , parecendo que procurava algo e ficaram alguns segundos lá atrás , aí não vi nada mas fiquei intrigado , será o que rolava lá atrás?Depois de um tempinho eles vieram pra frente da loja , ela na frente e ele atrás olhando diretamente pra bunda dela sem despistar , devia estar vendo aquela bunda gostosa se mexendo muito no vestidinho fino que ela usava , ele arrumou os produtos , fez as contas e ela pagou olhando diretamente pros olhos dele , parece que ele ficou meio tenso ou sei lá e morrendo de tesão , voltou o troco e ela saiu , dando um tchauzinho e olhando pra trás , entrou no carro e saímos ,quando ela falou :“Mas o que é isso ? pra que esse pau duro pra fora da calça seu Corninho safado???” Falei: você quase me mata de tesão , se mostrando pro rapaz daquele jeito e olha no que dá , não tem CORNO que aguente sem bater uma , quero que me conte tudo o que vocês conversaram lá dentro safadona. "O homem que estava na nossa frente se virou e segurou minhas duas mãos, me beijando a força, logo escorregando uma de suas mãos para dentro da minha calça. Chupava e olhava fixamente para a camera como se estivesse olhando pra mim e pedia goza na minha boca lambuza minha cara para meu maridinho vê? Aquilo me fez gozar sem nem ao menos pegar no meu pau… com o rosto todo melado(coisa que ela nuna deixou eu fazer) ela vai ate marcos e dar-lhe um beijo daqueles bem apaixonado… seu marcos no auge dos seus 55 ficou novamente de pau duro e foi posicionando minha esposinha para se acomodar no seu cacete que tambem num era essa descomunal nao… era bem grosso e eu via que minha esposa estava apreciando cada centimetro que invadia sua bucetinha… depois de um certo tempo nessa posica, ela se levanta e fica de quatro para seu marcos que de imediato se encaixa atras dela, e nao demora muito e ele enche a buceta da minha esposa de gozo. Se levantou e enquanto fechava a porta, disse ainda que ela e minhas tias estavam dispostas a fazer o que quiséssemos, que estavam querendo experimentar coisas novas, desde que em segredo e que poderíamos começar naquele momento.