Esposa brasileira loira traindo marido com amante comedor

visualizações

1 min 2 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , , ,

Esposa brasileira loira traindo marido com amante comedor

Esposa brasileira loira traindo marido com amante comedor

A Marlene, esposa do Rafael, dono da festa, havia se mostrado ser uma pessoa alegre e envolvente. Em determinado momento da festa, Cristina e outras meninas, todas amantes do professor, se retiraram com Jéssica para um local reservado. eu estava andando na Avenida paulista quando me deparei com uma ex namorada minha chamada Ana uma delicia de mulher,Morena,cabelos pretos nos ombros,um sorriso maravilhoso, 1,70m, corpinho malhado e uma bundinha de parar o trânsito, ela estava acompanhada de uma amiga, Alice, uma loira linda como ela, cabelos na cintura 1,75 m, um corpo maravilhoso seios médios,e uma bundinha arrebitada como eu gosto, perguntei o que elas estavam fazendo e me disseram que estavam passeando, como eu já conhecia minha ex e sabia que ela era bi sexual dei uma piscada para ela como querendo confirmar se aquela amiga era uma pegada dela, ela me piscou de volta afirmativamente, sem titubear eu convidei as duas para tomarmos um vinho no meu apartamento, sugestão que aceitaram na hora, fomos ao meu apartamento e chegando lá recomendei que ficassem a vontade que eu iria pegar o vinho, deixei as duas de propósito na sala para ficarem a vontade e fiquei espiando da cozinha,a Ana safadinha tascou um beijo na Alice bem molhado e longo as duas começaram e se acariciar bem gostoso e uma começou a despir a outra bem devagar se demorando bastante nos seios uma da outra, Ana deitou Alice no sofá e começou a tirar sua calcinha já toda empapada de tesão e chupou com maestria aquela bucetinha rosada e depilada, enquanto Alice se contorcia de prazer, nesse momento eu fiz minha entrada na sala já com o pau duro e latejando, coloquei meu pau na boca da Alice que não se fez de rogada e chupou bem gostoso minha pica, eu por minha vez tirei a calcinha da Ana e coloquei ela de quatro para mim, enquanto eu chupava sua bucetinha e Alice chupava meu pau,coloquei a Alice de quatro e comecei e comer aquela boceta bem devagar aproveitando todos os gemidos dela, e Alice que é bem safadinha já estava chupando o cuzinho da Ana que delirava e pedia para ela colocar dois dedos no cuzinho dela, eu bombei bastante na Alice até ela gozar com gritos de prazer, deitei no sofá e a Ana veio sentar no meu pau com seu cuzinho apertadíssimo e começou a cavalgar bem rápido enquanto beijava a Alice, de vez em quando eu tirava meu pau do cuzinho de Ana para a Alice poder chupar ele bem gostoso e lubrificar para entrar melhor, comi a Ana bem gostoso até ela gozar bem gostoso e depois coloquei as duas de quatro e chupei a bucetinha de cada uma e depois comi as duas uma de cada vez até eu gozar bem gostoso na boca das duas que se deliciaram com minha porra grossa e quente. Uma que não aceitaria ela me traindo e outra eu DUVIDO que ela também aceitaria.

E passei a mão no cacete do meu marido como se estivesse falando com o pau dele e pergunto se estava satisfeito e ele entende a malicia e bota o pau pra fora dando a entender que o pau respondia a pergunta e disse que tinha adorado e ele sempre quis sentir lábios com espermas de outro, uma boceta larguinha e comer um cuzinho arrombado e se for da esposa dele melhor ainda e pequei no pau e continuei no jogo como se falasse direto ao pau dele…Vara eu tive o arinho comidinho atrás de casa, mas primeiro eu vou de chupar com lábios com gosto de esperma de outro do jeito que você sempre quis e prometo de mostrar como foi e me ajoelhei e pus as mãos nas coxas dele e no vai e vem mostrei ao meu marido como a mulher dele se fez de puta biscateira mamadeira de vareta na rua…E meu marido foi dizendo, senta no meu pau senta agora e tira, tira logo a calcinha que quero de comer e nem pude falar nada e meteu numa só estocada e se ele tinha desejo de boceta com esperma ele teve o segundo desejo realizado a xana da esposa com esperma. Seu Nilton,pai de Marcos,meu comedor,veio e pediu ao filho pra tirar da minha bunda e enfiou o pau dele de uma vez e gritei,mas comecei a pedir mais. Morávamos em uma grande capital brasileira, em um apartamento de 50 metros quadrados e para meu desespero minha filha ganhou um poodle macho de presente, cachorro já da trabalho, imaginem dentro de um apartamento.