Chupando O Pau Do Corno Enquanto Senta Na Pica Preta Do Comedor Em Ribeirao Preto

Chupando O Pau Do Corno Enquanto Senta Na Pica Preta Do Comedor Em Ribeirao Preto

Chupando O Pau Do Corno Enquanto Senta Na Pica Preta Do Comedor Em Ribeirao Preto

"Comecei a fazer movimentos de vai-e-vem empurrando minha pica na goela de Andréia, enquanto ela já estava me enfiando 2 dedos seguindo o movimento que eu mesmo estava cadenciando com meu pau; Já não me controlava mais, eu estava gemendo muito alto e ela me mandou ficar de 4 também, me chupando o cú e me batendo uma punhetinha para baixo ao mesmo tempo;Olá meu nome é Eduardo(nome fictício) eu era novo nessas coisas de sexo e tal e queria saber.

Era um homem alto, de uns 1,90 mts, uns 30 anos, pele clara, olhos verdes, e bem forte, de botas pretas grandes por fora da calça, calça militar escura, camiseta vermelha justa por baixo da blusa militar de bombeiro aberta em alguns botões de cima, que ainda assim destacava seu físico. Alias, Edgar sempre teve a fama de “bom comedor”. Eu topei, fomos para a casa do meu pai, nos arrumamos, ela colocou um vestido preto de caveira, e eu uma meia arrastão, um short bem curtinho, um coturno, e uma regata,Chegando lá, assim que pude acendi um cigarro, logo um garoto com olhar confiante veio falar comigo, conversamos sobre os mais diversos assuntos.

Por fim,enfiei meu cacete todinho na buceta de Letícia e enquanto eu fazia movimentos de vaivém,eu beijava seus lábios,seus seios. Já fez isso duas vezes e na última pedi para ele pegar o pintão com a mão e por em mim devagarzinho, nossa vc mulheres e cornos não sabem o que é isso de tesão. mas ele aproximou se de mim e disse maninha do meu coração, eu te amo amor da minha vida, deixa eu ver a sua bucetinha, eu quero saber se ela é loirinha ou se é pretinha igual as outras, eu estava apavorada e com uma mão eu tapava os meus seios e com a outra eu tapava a boceta, com uma carinha de safado, ele começou a me elogiar, dizendo que eu era linda e que o meu rosto parecia uma boneca, que as minhas coxas eram lindas e gostosas, aquelas palavras foram me deixando mais relaxada e excitada, ele começou a puxar a minha, para que eu me liberasse para a sua visão. Encontrei o Thiago no horário certo, entrei no seu carro doida pra sentar naquele pau enorme que ele tinha, mal entrei no carro e já fui tocando uma punheta de leve,quando chegamos no motel, pegamos as chaves e fomos direto pro quarto, coloquei uma musica sensual e comecei a dançar pra ele, retirava cada peça da minha roupa dançando sensualmente para ele. Um dos meus tios tem um sitio muito legal, aqui perto de Ribeirão Preto.